UMA SEXTA NO CENTRO

 

    E pensar que foi sexta-feira passada

    Que nós conversamos e demos risada...

    Que numa passagem pelo mercadão,

    Comemos mortadela com pão...

 

    Que entre uma calçada vazia e ensolarada

    E outra com sombra, mas abarrotada,

    Você me disse, de forma bem humorada:

    “Antes sol do que mal acompanhada”.

 

    Por não saber quando te verei novamente,

    Vou entristecendo, gradual e lentamente.

    Mas a esperança em te rever me deixa em paz,

    Pois você sabe bem o bem que você me faz.

 

YESTERDAY

 

     Ontem fui ao show de Paul McCartney. Durante as três horas de espetáculo, meu Beatle preferido mostrou ser um músico talentoso (tocou seis tipos de instrumentos diferentes), um vocalista carismático e um cara bem bacana no palco. Músicas que fizeram/fazem parte da minha história de vida foram tocadas pelo próprio compositor e em alguns momentos tive a lembrança de várias pessoas que conheci (principalmente durante a homenagem que ele fez a George Harrison e que foram exibidas imagens do amigo no telão e imagens dos meus amigos foram brotando na minha memória).

     Sir Paul é um artista único no mundo da música. E sou grato pelas músicas que ele compôs e que ontem ouvi com ouvidos, olhos, lembranças e lágrimas.

 

[ ver mensagens anteriores ]



Meu Perfil
BRASIL, Sudeste, SAO PAULO, ITAIM PAULISTA, Homem, de 36 a 45 anos, Música, Arte e cultura, Futebol

 
Visitante número: